como comprar ações como comprar ações

Como comprar ações pelo aplicativo da Vexter

8 minutos para ler

Em setembro desse ano, o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central elevou a taxa Selic em 1 ponto percentual, alcançando o patamar de 6,25% ao ano. Apesar de a decisão criar um cenário atrativo para os investimentos em renda fixa, o mercado de ações pode chegar a pagar dividendos maiores que a taxa de juros brasileira ao longo do ano, mantendo vivo o interesse de comprar ações mesmo em um cenário de crise.

Fato é que, operações de compra e venda de ações não trazem nenhuma garantia de lucro e rentabilidade ao investidor – porém, vale lembrar que decisões seguras e racionais multiplicam as chances de ser bem-sucedido no mercado financeiro.

Além disso, não é preciso muito para começar a investir em ações, porque além dos lotes padrão, há também o mercado fracionário na B3. Ou seja, é possível adquirir ações individualmente. Quer saber mais sobre ele e como começar a investir pelo App da Vexter? Basta seguir a leitura!

Para comprar ações entenda o mercado

Fragmente uma empresa em diversas partes: também chamados de ações, esses pedaços, juntos, formam o capital social de uma instituição. Quando a empresa negocia uma parte de suas ações na Bolsa de Valores, com a intenção de captar recursos, ela passa a ser considerada uma companhia de capital aberto – quem investe, por sua vez, torna-se sócio ou acionista dela.

Ao atingir bons resultados, a companhia tem a possibilidade de dividir os lucros entre os seus acionistas. Além de poder ganhar com esses dividendos, os investidores podem ganhar (ou perder) com a valorização das ações no mercado também. 

É possível investir de várias maneiras na B3. As mais comuns são:

1. Mercado tradicional

Ao comprar ações no mercado tradicional, o investidor é o único responsável por controlar, gerir e acompanhar o desempenho dos seus papéis – assim como definir suas estratégias para operar.

2. Fundos de Investimento

Aqui, diversas pessoas se reúnem para investir. Há um gestor responsável por administrar o fundo e, caso os papéis rendam, os lucros são divididos entre os integrantes – de forma proporcional à quantidade de cotas de cada um.

3. Exchange Traded Funds (ETFs)

Uma outra forma de operar na B3 é investindo em ETFs – Exchange Traded Funds. Cada vez mais comum entre os brasileiros, esses papéis lastreiam índices de referência e funcionam de maneira semelhante aos fundos de investimento. Em linhas gerais, ao adquirir um ETF, você adquire um “pacote” com diferentes ações.

Lote padrão e lote fracionário

Na Bolsa de Valores, você encontrará dois mercados independentes para poder investir: o integral e o fracionário. No primeiro, as ações são negociadas em lotes padrão de 100, ou seja, você opera quantidades múltiplas (100, 1.000, 10.000 papéis, por exemplo). Paralelamente, é possível adquirir ações de forma individual (entre 1 e 99) no mercado fracionário.

O mercado fracionário facilitou o acesso dos investidores à Bolsa de Valores, uma vez que, sendo possível adquirir uma quantidade menor de ações, não é preciso aportar muito dinheiro para operar.

Imagine uma ação que custe R$40. No mercado fracionário, você pode comprar a quantidade que desejar, respeitando o limite de 99 ações. Se estiver operando no mercado integral, terá que desembolsar pelo menos R$4.000.

Código para comprar ações (tickers)

Antes de começar a operar na Bolsa de Valores, é importante observar que as ações possuem códigos, também chamados de tickers.

Cada ativo listado na B3 possui um ticker de negociação, composto por quatro letras (referenciando o nome da companhia) e um número, que indica o tipo de ação. As ações podem ser de três tipos:

baixar simulador de investimentos na bolsa gratuitamente

1. Ações Ordinárias (ON)

Ao comprá-las, o investidor tem direito a participar das assembleias e a votar nas decisões da empresa. As ações ordinárias podem ser identificadas pelo número 3 ao final da sigla do ativo. Por exemplo: VALE3.

2. Ações Preferenciais (PN)

Por geralmente serem negociadas com mais frequência na Bolsa de Valores, as ações preferenciais possuem uma maior liquidez. Apesar de não dar direito a voto, esse tipo de ação garante aos acionistas preferência no momento de receber os dividendos da companhia. Elas podem ser identificadas pelo número 4. Exemplo: PETR4.

3. Ações Unit (UNT)

Mesclam os dois tipos de ações citadas anteriormente, mas sua negociação é pouco comum na Bolsa de Valores brasileira. Para localizar esse ativo, basta procurar por títulos com o número 11 ao final da sigla. Exemplo: BIDI11.

Se você está se perguntando como identificar as ações negociadas no mercado fracionário, é bem simples: elas são reconhecidas pela letra “F” ao final do código. Por exemplo: PETR4F.

Como comprar ações pelo aplicativo da Vexter

Agora que você já possui algumas informações relevantes sobre o mercado de ações, está na hora de colocar a mão na massa e aprender a comprar seus papéis. Por meio do aplicativo da Vexter, esse processo é bastante simples. Confira o passo a passo abaixo!

Baixe o App da Vexter

Para isso, basta baixar o aplicativo nesse link. Em seguida, insira seus dados e cadastre-se gratuitamente.

Abra sua conta para começar a comprar ações

Abrir sua conta na corretora de investimentos é uma etapa fundamental, pois é por meio dela que serão processadas as ordens de compra e venda que você realizar no home broker. A vantagem de abrir sua conta diretamente em uma corretora é que você terá taxas mais baixas se comparadas às praticadas por instituições financeiras – além de contar com menos burocracia.

Deposite seu dinheiro para comprar ações

Para ter o controle real das suas finanças, pagar os gastos obrigatórios e eliminar os gastos superficiais, é preciso ter um orçamento bem definido. Independente dos seus objetivos com as suas aplicações, tudo começa com uma boa organização financeira. Antes de transferir o recurso que você investirá para a sua conta na corretora, considere diversificar seus investimentos. 

Escolha a ação desejada

Após montar a sua carteira de investimentos – de acordo com a sua estratégia e o seu perfil de investidor – é hora de conferir os códigos (tickers) correspondentes dos papéis que você deseja adquirir. Estabeleça o preço pelo qual você irá comprar aquela ação e a quantidade de ações nas quais você deseja investir. Defina o seu stop loss e seu stop gain e confira demais dados, como o prazo da operação e informações relevantes da empresa desejada.

Envie a ordem de compra

Realizados os passos anteriores, é hora de concluir sua operação. Para isso, basta enviar a ordem de compra. Pronto!

Cuidados ao investir em ações

  1. Conheça bem a empresa na qual está investindo

Ao investir nas ações de uma determinada companhia listada na Bolsa de Valores, o investidor deve ter em mente que sua aplicação está sujeita às oscilações de mercado – influenciadas por decisões políticas e econômicas internas e externas. Essas oscilações podem afetar diretamente a situação econômica da empresa – e a liquidez dos ativos. Por isso, conheça e estude a empresa na qual você deseja aportar seus recursos.

  1. Defina seus objetivos e diversifique sua carteira

Antes de investir em renda variável, o investidor deve ter claro para si seus objetivos e qual o seu perfil no mercado quanto à tolerância ao risco. Em geral, investidores conservadores não devem operar na Bolsa de Valores justamente por prezarem por mais segurança em suas aplicações. 

Para diluir os riscos, é importante distribuir corretamente as suas aplicações, montando assim uma carteira diversificada. Como ações de diferentes empresas reagem de formas distintas às oscilações de mercado, adotando essa estratégia você pode potencializar a rentabilidade e minimizar os riscos dos seus investimentos. 

  1. Acompanhe o mercado financeiro.

É também importante conhecer e estudar o mercado para identificar com mais clareza o melhor momento para negociar as ações. Por isso, esteja sempre por dentro das últimas notícias relacionadas à economia nacional e internacional.

Se você deseja encontrar todas essas informações em um único lugar, de forma prática e descomplicada, não deixe de baixar o aplicativo da Vexter. Investir não precisa – e nem deve – ser complicado!

Posts relacionados

Um comentário em “Como comprar ações pelo aplicativo da Vexter

Deixe um comentário